02 outubro, 2010

Tunel do tempo


É interessante ver como o tempo passa, afinal de contas são anos incríveis que vivemos, passamos por vários momentos da vida, desde ter que ouvir ra-tim-bum quando crianças em festas de aniversários, mas quando ficamos mais velhos essas lembranças acabam afundando no mar fazendo glub-glub e por ai vai. As pessoas crescem, tornando a cada momento da vida literalmente uma profissão perigo, dependendo de como o casal vai amadurecendo acabam se tornando a gata e o rato, mas nada como ter sucesso em uma equipe de uma empresa e se tornar um esquadrão classe a.
Eu ainda me lembro da minha infância, que vivia comendo “chips”, sonhava em ser adulto e ter uma super máquina, aqueles sonhos de criança, onde via imagens de fênix e me perguntava porque uma águia de fogo. Por ser filho de delegado, sempre sonhei em ter uma magnum 45. Mas cresci, fui me tornando um aborrecente, mas eu ainda tinha meus amigos, era literalmente uma galera do barulho no meu bairro. Sempre que anoitecia eu gostava de assistir filmes de terror, nada como desejar uma maldição eterna como sonho de criança para aqueles que eu não gostava. Mas mesmo assim eu gostava de ter as vezes um pouco de sombra, luz e água fresca. Também me lembro quando criança sentava no banco do motorista, imaginando pilotando carros, vivendo uma pole position, mas meu pai era legal, falava: “Desculpe filho, mas você está sem licença para dirigir”. Eu entendia, era criança, os vizinhos? Meus vizinhos são um terror. Crianças que gritavam mais que tudo, qualquer escândalo, eu gostava de viver em silencio. Pelo menos fico feliz que hoje eles esqueceram de mim. Sim, eu era um verdadeiro pestinha na época. Mas eu tive uma mudança de hábito com o tempo, comecei a ver o outro lado da vida. Eu gostaria que minha vida fosse uma profecia. Mas quando comecei a sair com os amigos a noite, nada passava de uma noite alucinante.

Bom, por enquanto é só, mas deixo uma pergunta: o que você identificou de programa de TV ou Filme nesse texto??

2 comentários:

Aline Patrícia disse...

Oi, meu bem! Eu disse que voltava... rs

Fiz uma listinha, de algumas referências eu lembrava, nas outras eu fui no chute,pelo próprio contexto recuperei:

Rá-tim-bum
Glub-glub
Profissão perigo
A gata e o rato
Esquadrão classe a
Chips
A super máquina
Águia de fogo
Magnum
Uma galera do barulho
A maldição eterna
Pole Position
Sem licença para dirigir
Meus vizinhos são um terror
Esqueceram de mim
O pestinha
Mudança de hábito
D'o outro lado da vida (Ghost)
A Profecia
Uma noite alucinante


Agora é só vc me dizer quantas acertei!
Beijo :)

juliana lucena disse...

caramba.. amo todos da listinha da aline patrícia.. tempos bons aqueles.. queria muito rever glub glub!! e todos os outros, infância boa e eu ficava querendo crescer logo, eu naw sabia que a vida dos adultos era tão complicada... e eu só tinha que me preocupar com o horário dos desenhos...e hj rum, o jogo virou, sou adulta mesmo? naw, às vezes acho que sou uma menina no corpo de uma mulher, pois sinto tanta saudade da inf6ancia que procuro naw me distanciar do que me faz lembrar disto.. anderson somos vítimas de nosso próprio querer.. =*